Seus dentes sofrem com a erosão ácida?

A erosão ácida é um dano causado aos dentes pelos ácidos, freqüentemente provenientes dos alimentos, que enfraquecem a superfície do esmalte. Intimamente associada à dieta moderna é uma das ameaças mais importantes à saúde dentária desde as cáries. Muitos não sabem o que é isto, nunca ouviram falar em erosão ácida, e não sabem que pode estar acontecendo com os seus próprios dentes, porque nos estágios iniciais ela é difícil de ser detectada.

Mas e o que é essa erosão ácida?

Diferente da cárie dentária porque não envolve bactérias ou os açúcares da dieta, é resultado da ação direta de ácidos (seja de alimentos, bebidas ou do estômago) sobre a superfície dos dentes, o esmalte, mas causa os mesmos desconfortos: sensibilidades, dores e a necessidade de tratamentos restauradores.

Várias frutas, vinagres, bebidas isotônicas, refrigerantes e vinhos podem ser altamente ácidos e assim potencialmente prejudiciais aos dentes. A dieta e o modo como bebidas e alimentos ácidos são consumidos, associados aos hábitos de higiene bucal, formam a causa mais provável da erosão ácida. Entretanto, ela também pode ser causada pela presença de ácidos gástricos na boca, por exemplo, como conseqüência da bulimia (vômitos) ou indigestão (regurgitação/ refluxo gástrico).

SINAIS E SINTOMAS DA EROSÃO ÁCIDA

A olho nu os dentes podem parecer saudáveis mas podem apresentar sensibilidade durante a ingestão de alimentos e bebidas quentes, geladas ou doces. Podem apresentar fissuras e pequenas fraturas ou mesmo superfícies lisas e desgastadas. Descoloração acentuada, fissuras ou asperezas nas bordas dos dentes.

DICAS DE PREVENÇÃO

  • se for ingerir alimentos considerados ácidos, evite escovar os dentes imediatamente após, porque o esmalte estará amolecido e vulnerável. Espere, pelo menos uma hora, para escová-los após a refeição.
  • ao ingerir bebidas ácidas procure fazer de maneira rápida, evitando bochechá-las ou mantê-las por muito tempo na boca, ou use um canudo para levar o líquido diretamente para a parte mais posterior da boca, para que este não entre em contato com os dentes.
  • ao escovar os dentes, não utilize força e sim um a pressão delicada e suave com uma escova macia e um creme dental pouco abrasivo e que contenha flúor na sua composição.
  • verifique que seu creme dental não deve ser abrasivo, ou seja, não pode provocar atrito. Uma maneira simples de avaliar essa abrasividade é colocar um pouco do creme dental entre as pontas dos dentes da frente e arrastar de encontro um ao outro. Se sentir uma sensação de que os dentes estão sendo lixados é porque esse creme é abrasivo. A solução é simples: comprar um de outra marca.

Ficou com alguma dúvida? Não deixe de compartilhar aqui nos comentários!!