Dente do siso só serve pra ser extraído?

dente do siso

Essa pérola de comentário/pergunta escutei recentemente de um paciente engraçado que fez piada com a necessidade da extração do tal dente. Daí tive a idéia para esse post. Então, como boa professora que sou, vamos dividir o assunto em tópicos para ficar mais didático…

O que é o dente do siso?

Os dentes do siso ou terceiros molares são os últimos dentes a aparecer na boca e costumam surgir por volta dos 16 anos, embora às vezes possam aparecer mais tarde na vida. 

Quando os dentes do siso causam problemas?

Muitas vezes, nossos maxilares são pequenos demais para acomodar todos os 32 dentes que temos. Então, quando os outros 28 dentes já erupcionaram, pode não haver espaço suficiente na maxila e/ou na mandíbula para os dentes do siso entrarem em oclusão com os outros dentes, e a erupção deles pode ser total ou parcialmente impactada. Quando isso acontece, seu dentista vai examinar clínica e radiograficamente e avaliar a necessidade de remoção desses dentes. Se houver espaço para sua erupção podem ser feitas manobras com aparelhos ortodônticos para que eles alcancem sua posição final, porém se não houver espaço, o dente deverá ser removido.

Por que a extração é tão frequente? 

Os dentes do siso foram perdendo espaço ao longo da evolução porque nossos antepassados, os homens da caverna, faziam muita força para morder e isso ajudava a desenvolver tanto a musculatura facial quanto as arcadas dentárias. Hoje, todo mundo come alimentos relativamente macios e, daí, já não existe mais a necessidade de tantos dentes. Um sinal da evolução é que algumas pessoas já nem apresentam mais os terceiros molares.

Que problemas o dente do siso impactado pode criar?

O dente do siso, quando sem espaço para erupcionar, pode ser uma fonte de infecção, pode gerar mau hálito, dor de dente, cáries, infecções na gengiva e até úlceras e cistos. 

Quando um dente do siso não  erupciona totalmente através da gengiva, as partículas de alimentos e bactérias podem acumular-se abaixo da gengiva, causando uma das complicações mais frequentes, chamada de pericoronarite. É, o nome é bonito mas não queira conhecê-la!!

Muita gente também acredita que os terceiros molares podem causar apinhamento ou desalinhamento nos dentes anteriores, mas você leitor aqui do blog já sabe que isso não é comprovado cientificamente, pois já falei isso em um post anterior. Não leu? Clica aqui.

Quando um dente do siso está em posição inadequada é necessário removê-lo?

Sim, na maioria das vezes. Porém existem casos em que o paciente perdeu prematuramente o primeiro ou segundo molar e com o uso de aparelho ortodôntico é possível fazer a movimentação do terceiro molar para o lugar desses dentes perdidos, evitando assim, a necessidade de implante ou prótese.

Como é a cirurgia para a remoção dos dente do siso?

Depende do posicionamento do dente… se ele estiver totalmente incluso, é necessário remover um pouco de osso ao redor do dente, o que torna o pós-operatório um pouco mais traumático. Porém, se ele estiver parcialmente erupcionado, o procedimento é mais simples e a recuperação, mais tranquila.

E aí? A pergunta do meu paciente também era a sua? Você tem outras? Entre em contato!!